zeeland + rotterdam

Hoje saímos de Leuven pelas 9h, Alkis a conduzir, Francesco a tomar conta do GPS (the thingy, como lhe chamei, porque não me lembrei da sigla lol), Marisa, Susana (amiga dela de visita) e eu. Destination: Oosterschelde, a zona dos diques na Zeeland (terra do mar, traduzido à letra) – os polders do sul da Holanda. Fomos visitar as barreiras anti-tempestade que mantém a cota do Mar do Norte acima de piso seco e do Schelde. Andámos às voltas à procura da Maeslant Barrier, perto do Europort, que abre e fecha para proteger Roterdão. (Se não soubermos o que é e como funciona, não passa duma cena branca de metal muito grande atrás duma grade.) Apanhámos o ferry para atravessar o Maas e rumámos a Rotterdam.
Cidade vibrante, muito moderna, meca de arquitectura, mas com recantos clássicos super aconchegantes aqui e ali. Muita gente nas ruas e um solinho delicioso! Mas deliciso mesmo foi aquele panini com salmão fumado que comi num stand italianíssimo na Lijnbaan. Podia ir lá todos os dias encher-me daquela massa de pão caseira, temperada à mão no momento por eles! (suspiro)

(Os diques anti-tempestade do Oosterschelde… e o belo do Fiesta do Alkis em grande pose.)

(“Onde é que tens o teu dinheiro?” “Ah e tal no rabo.”)

(Kubuswoningen – lindo!)



(esplanada fixíssima perto da Erasmusbrug)

(Até os candeeiros à entrada do metro são com os dos barcos!)


(zona chique!)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s