pardais à solta

Hoje fizeram-me uma coisa que já não faziam há muito tempo. Uns putos tocaram à campainha e desataram a fugir rua abaixo. Mas olhar ameaçador que lhes mandei da varanda, acompanhado de mãozinha a acenar palmadas, escondia um sincero alento: quer dizer que as crianças daqui ainda brincam na rua. Às vezes temo que estes clássicos se extingam dos nossos bairros às mãos do entretenimento excessivo e do temor aos outros – dois males modernos. Manifestou-se, ainda assim, um sinal dos tempos: eram ambos um nadinha gordos (ou muito descarados), por isso é que ainda os apanhei quando assomei à porta.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s